Coração genuíno não olha aparecência

Foi na infância que notei os olhos de carinho. Igor e eu vivíamos num pé de guerra que só nós dois. Mas no fundo, o abraço esmagador dizia: “Tenho carinho por você!”. Agora amizade maior não há. Sou tão grata por ele ter aguentado os meus xiliques e ainda assim, continuar perto de mim.

E não é só comigo. Igor é o coração puro da turma. Tudo é sorriso. E o pouco é o bastante. É só chegar que sua energia positiva se espalha. Até o natal de uma família inteira ele mudou. Foi ele nossa alegria e comemoração em meio a dificuldades de convivência.

Ele não distingue ninguém pelo que veste ou carrega. Você é seu coração. Você é o que é. E para ele, o bastante. A beleza é seu interior. Participar. Estar vivo. Obrigada por me ensinar a viver!

jessica tavares - retalho da vida - fotografia - preto e branco

jessica tavares - retalho da vida - fotografia - preto e branco

jessica tavares - retalho da vida - fotografia - preto e branco

Instagram. Facebook. Twitter.

Anúncios

Um comentário sobre “Coração genuíno não olha aparecência

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s