300 motivos para destruir uma caneta

Comecei a desenhar sem querer, depois de tanto tempo querendo. Aí depois do feedback, principalmente dos amigos, ví um empurrãozinho para continuar e isso só cresceu desde então. Bom, uma vez eu ganhei uma faixa de papel higiênico que dizia: “Rainha do Drama”, foi a despedida mais divertida que alguém poderia ter. Então uni as duas coisas em uma. O desenho e o drama.

Todas as vezes que desenho, procuro aplicar algo diferente, procuro um novo objetivo e uma nova história. Fui ao cinema com os amigos assistir ao filme 300 e não tive tempo nem de piscar. Não vamos entrar no quesito roteiro, mas foi um belo entretenimento assistir ao incrível 3d de sangue e luta que o filme proporcionou. Uma bela obra na qual me inspirou.

Pensando no corte das espadas e no sangue que parecia pular da tela para o meu rosto, resolvi destruir uma caneta. Usei a faca para fazer um leve corte abaixo da ponta da caneta e não medi esforços na hora de espalhar tinta vermelha pelo desenho pronto. Me diverti tanto fazendo isso que fotos e sujeira pela casa é o que não faltaram.

Vou deixar claro que sou contra a violência. Gosto mesmo é da fantasia e dos ensaios que o cinema proporciona. O resto, a vida mesmo, só com respeito!

20140421-IMG_6701

20140421-IMG_6693

20140421-IMG_6687

20140421-IMG_6697

20140421-IMG_6695

Confira minha galeria online de desenhos: tavaresjessica.tumblr.com

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s