Respeite sua cama

Quem trabalha home office ou quem é workaholic sabe como é bom fazer um texto, editar uma foto, responder um email enquanto ainda na cama. Seja no celular ou no notebook. É tão agradável ficar sentado na cama trabalhando que se não tomar cuidado, o hábito já vira parte da rotina.

Eu comecei a trabalhar home office quando ainda cursava jornalismo. Morava sozinha na época. Então sim, eu tomava café na cama, já escrevendo os textos para enviar para um site português que escrevia. Depois de fazer minhas tarefas diárias, eu sentava à cama para mandar mil emails apresentando meu trabalho e tentando conseguir novos freelas para sustentar meu trabalho na cama.

O tempo passou e não percebi o quanto trabalhar corcunda diante do computador, comendo em horários nada corretos, atrapalhava minha saúde. Foram alguns anos assim, e eu correndo atrás de ortopedistas para descobrir qual era o problema no meu braço direito.

O trabalho deve ter um lugar muito específico para ser desenvolvido quando dentro de casa. Vale trocar de lugares, mas é importante pensar na disposição da coluna enquanto usa o computador. O ambiente de trabalho deve promover também sua saúde.

Fix uma faxina no meu quarto hoje, joguei mil coisas fora e deixei a cama bem arrumada para deitar mais tarde. Eu precisava pegar o teclado do meu computador para escrever para vocês, eu fui direto com o pé, chinelo e tudo mais em direção ao colchão arrumadinho no chão, mas consegui parar no meio do caminho. – Que falta de respeito com sua cama! Eu disse a mim mesma enquanto recuei o pé, tirei o chinelo e pisei só na ponta, longe do travesseiro, para então alcançar o teclado.

Eu estou fazendo bastante freelas agora e os quero longe da minha cama. Se for pra trabalhar de casa, que isso me traga mais saúde e bem estar. Fazer tudo deitado na cama é muito autodestrutivo, decidi deixar só as coisas mais gostosas para a cama.

Anúncios

4 comentários sobre “Respeite sua cama

  1. Eu também senti os efeitos. Trabalho em rádio. Meu horário é das 22h até meia noite. Então eu chego em casa e rumo para o quarto editar entrevistas, escrever notícias, atualizar o blog, organizar roteiro do programa etc e tal… deitado na cama. Desde então meu nervo ciático começou a acusar. Quando eu deitava, sentia desconforto na coluna, como se as vértebras estivessem fora do eixo. E estavam mesmo. Afinal, minha lombar não ficava plenamente apoiada, mas curvada. Parei com isso. Arrumei um canto na casa onde eu tenha mais conforto.

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s