Sobre café, açúcar e bares

 

Recentemente me dei conta que meu amor pelo café tem algumas restrições. O açúcar era a combinação a qual eu mais prezava, e não tinha noção do quanto prejudicava o sabor. Fui criada com avó, mineira, era puro açúcar com café o que aprendi a tomar desde pequena.

Há um ano mais ou menos eu decidi tirar gradualmente o açúcar do café. Descobri um sabor que até então, desconhecia.

A sensação é de andar por uma montanha úmida, cheia de árvore e pássaros cantando, e se sentir protegido a qualquer tipo de ameaça que pode surgir de fora. A única coisa que pode ser difícil é o caminhar na lama descalço e o afundar a cada passo.

A verdade é que tudo depende de como adaptar ao zero açúcar, essa é a lama crescendo na perna. Isso leva um tempo mas você precisa pegar o jeito. A lama ainda me assusta um pouco, me afundo e saio correndo. Ao menos uma colher de açúcar é necessária.

A verdade mesmo é que o café sem açúcar deveria ser servida em barzinhos. A sensação da bebida e o sabor deveriam ser servidos como whiskey. Uma dose, um sabor para apreciar, pessoas a volta para conversar e uma filosofia de vida para levar adiante.

Garçom, uma dose de café puro no copo de whiskey, por favor!

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s