Capítulo final

Percebeu então que deveria fazer um caminho de volta, tinha que passar pelas mesmas ruas, mesmas esquinas para ver o que deixou despercebido. Enquanto caminhava para conhecer o outro lado da história, descobriu que talvez teria que refazer os passos muitas vezes, até abrir realmente os olhos para o que estava na sua frente.

Descobriu também que muitas coisas precisariam ficar para trás, para o bem da sua vida adiante. Outras deveriam ser esquecidas e algumas até ignoradas.

Andar pelas mesmas estradas pode ser muito difícil, mas olhar as coisas como elas são, não como gostaríamos que fosse, é um trabalho árduo, pois as vezes escondemos a verdade na cabeça e levamos uma ficção adiante.

A ficção foi criada para que consigamos enxergar a verdade. A fantasia é uma busca pelo real, não o contrário. Por isso, toda vez que se deparar com uma história, seja contada ou criada, leia as entrelinhas, busque o real, não o ideal.

20150317-IMG_2792-2

20150317-IMG_2796-2

Confira o meu trabalho na fotografia: where-thelight.tumblr.com

Jessica Tavares
Instagram. Facebook. Twitter.

 

Anúncios

9 comentários sobre “Capítulo final

  1. “Descobriu também que muitas coisas precisariam ficar para trás, para o bem da sua vida adiante. Outras deveriam ser esquecidas e algumas até ignoradas.”
    Adorei a frase, com certeza é muito verdade.
    Ótimo post!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s